Inspiração: Cabelos

Por - 31.5.13

Joana Pedrosa
Olá pessoal!

Hoje resolvi deixar uma inspiração muito legal para o final de semana: cabelos! Eu, particularmente, adoro desenhá-los: lisos, longos, crespos, esvoaçantes ou curtos, emoldurando o rosto das minhas figuras. Gosto do efeito que uma boa construção dos fios dá à composição. 

E como tudo relacionado ao desenho, é importante praticar e conhecer nosso objeto de estudo, seja através de fotos, observando as pessoas na rua, ou até mesmo nossa própria cabeleira. E na hora de colocar no papel, um imenso leque de possibilidades se abre. Trouxe algumas imagens, de artistas que aprecio, e como eles resolvem graficamente o que cada tipo de cabelo tem a oferecer:

Sarah Joncas e Laura Laine
Longos e Cacheados: os cabelos longos talvez sejam os mais fáceis para quem está começando a praticar. O interessante é deixá-los esvoaçantes, com movimento, para não "chapar" a figura e deixar com aquele aspecto de Monalisa. Já os cacheados ganham ares sofisticados com as mechas bem delineadas, efeitos de luz, sombra e volume definidos.

Xiaoxi (Nancy) Zhang e Chrissy Lau

















Médios e Curtos: observem como o cabelo emoldura o rosto da primeira figura, conferindo um aspecto elegante e dinâmico. Já o curtinho dá um toque de modernidade e descontração. Em ambos os casos, as mechas laterais indicam movimento.

Hayden Williams e Raquel Carrero
Crespos e Lisos: Cabelos crespos ou afros são um exercício para a mão e, através deles, vários conceitos podem ser trabalhados - textura, volume, proporção, luz e sombra. A ilustração de Hayden Williams é uma prova disso. Já o liso com volume de Raquel Carrero nos mostra as várias possibilidades do grafite e também foge do efeito "chapado" que pode ocorrer nessa situação.

Juliana Rabelo, Liz Clements e Fernanda Guedes
Alguns artistas preferem representar o cabelo como uma massa de cor (sem os fios aparentes), no caso da ilustração de Juliana Rabelo. Outros, porém, gostam do efeito "fio a fio", como na segunda imagem. É interessante também brincar com penteados: coques, rabos de cavalo e tranças, como a trabalhada por Fernanda Guedes.


Acima, alguns dos cabelos que gostei de trabalhar. Pretendo estudar melhor os crespos e voltar a colorir os fios. Lembro de uma época em que treinava todo o dia, sobrepondo os tons até conseguir o efeito desejado. No momento, estou com um esboço bastante interessante em mãos e quero dar o merecido acabamento aos fios.

Espero ter inspirado quem passa por aqui!

Abraços,
Lidiane :-)

Veja também

4 Comentários

  1. eu também curto muito desenhar os cabelos...
    maravilhoso os desenhos que você postou :)

    relicariodasrafleur.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os teus cabelos desenhados também são um show à parte, adoro o tratamento "fio a fio" que aparece nas tuas produções. Ansiosa por ver trabalhos novos *-*

      Beijos!

      Excluir
    2. Ai Lidy,
      ando na verdade, tentando me entender, me encontrar no desenho "novamente"... Mas enfim...
      Abraço!

      Excluir
    3. Ah Yatap, isso acontece, não pensa que comigo é diferente... passo um tempão em crise, sem criar, mas vejo que no fim é esse ato criativo que me move, e esse tempo para se encontrar faz parte do processo - e fará sempre! -
      Muita luz pra ti!

      Beijos e obrigada pelo carinho (:

      Excluir

Muito obrigada pela visita e pelo comentário. Saiba mais sobre os termos de uso deste espaço clicando aqui.