Blogagem coletiva: uma carta para a Lidiane de 10 anos atrás

10.3.14

Este post faz parte da blogagem coletiva do Rotaroots, um grupo de blogueiros saudosistas que resgata a velha e verdadeira paixão por manter seus diários virtuais. Para ler todas as blogagens coletivas do Rotarootsclique aqui. Quer participar? Então faça parte do nosso grupo no Facebook e inscreva-se no Rotation.


Eu já tinha achado legal essa ideia do site Hypeness: escrever uma carta para você mesmo, há dez anos atrás. Legal não só pela poeticidade do projeto, como também pela maneira de resgatar os sonhos e projetos que planejamos para nossas vidas. E também não deixa de ser assustador: há dez anos atrás eu estava com 19 anos, saindo da adolescência para encarar a faculdade e ter experiências que me moldariam para o resto da vida. Daí vem a constatação óbvia: estou ficando velha. E quando vi que este era o tema da Blogagem Coletiva do Rotaroots em março, não pensei duas vezes e pus meu cérebro para funcionar.  

Rio Grande, março de 2014.

Olá Lidiane!

Não quero te assustar mas, daqui há alguns anos, serás conhecida como Lidy. Assim, com "y", culpa da Simone, que resolveu grafar o teu apelido de maneira diferente numa daquelas inúmeras cartas. Aliás, nunca deixa de te corresponder com ela: a base da amizade de vocês será também a de muitas outras: à distância, porém com tanto afeto e verdade como nenhum relacionamento cara a cara irá te proporcionar.

Não foi fácil zerar aquela prova no último vestibular, mas vais te esforçar ao máximo este ano e serás agraciada não só com o ingresso para o curso dos teus sonhos, como também com um primeiro lugar, olha que legal! E sobre o teu curso, estás no caminho certo, guria! Segue em frente nas Artes Visuais, a jornada será um pouco tortuosa (mas nem tanto, vais superar alguns percalços), e no final conquistarás não só o diploma, como também engatarás um mestrado. Sim, tua vida acadêmica será agitadíssima.

Os amigos dos anos de cursinho permanecerão na tua vida, de uma maneira ou de outra. Eles serão muito importantes para ti, e tu para eles. Só acho que estás lendo pouca literatura e desenhando menos ainda. Isso não é bom, tens que te soltar mais. A arte será a base da tua vida de agora em diante.

Teus pensamentos para algumas coisas andam muito reacionários, não estou gostando disso, não... Como assim julgar uma mulher pela roupa que ela usa? E comer carne vermelha? Tens que aprender muitas coisas ainda sobre gênero e meio ambiente, afinal, isso também fará parte da tua vida a partir de agora.

O Axl* já completou 14 anos! Lembra quando foste buscá-lo? Praticamente atravessaste a cidade com ele nos braços. Agora, ele ainda está novinho mas, com o tempo e com os acontecimentos, ele será a peça fundamental para entenderes sobre nossa relação de amor com os bichos. Tuas relações em família também vão mudar, e para melhor. Mas já começa a mudar agora, não espera o pai operar, não. Vai ficar tudo bem, não precisa ficar assustada.

Agora, vamos falar do teu coração: não cai nessa furada de achar que ninguém vai te amar e que passarás o resto da tua vida sozinha. Não te contenta com qualquer carinha e, pelo amor dos deuses, não começa esse namoro! Tô falando sério, aborta a missão. Vais perder momentos preciosos da tua faculdade (viagens, festas - se bem que continuarás caseira -, até mesmo retardarás o uso das redes sociais) por causa desse relacionamento. Mas não será tarde demais quando te deres conta disso e ressurgirás como uma fênix.

Perderás a tua timidez e te descobrirás professora, pesquisadora, ilustradora, blogueira. Serás amada e respeitada pelo que tu és. Tua arte ganhará o mundo através da internet. O teu gênio vai continuar difícil... mas aos poucos te tornarás uma pessoa melhor. É isso que precisas ter em mente: daqui há dez anos, serás uma pessoa bem melhor. Reclamona, ainda, mas certa de que tudo valeu a pena.

Um grande beijo (com a boca bem pintada de vermelho, como nos velhos tempos!),
Lidiane

*Axl é o nome do meu cachorro.

Veja também

10 Comentários

  1. Ah, que carta linda, Lidy! Não sabia que seu apelido/assinatura tinha sido 'presente' de uma amiga! Que bonito :~ Se eu lesse essa cartinha ha dez anos, com certeza estaria bem confortada e feliz: tomara que seja exatamente assim que você se sinta hoje. Ou melhor! E que sejamos e nos tornemos cada vez melhores com o tempo :~) Foi muito bacana ter conhecido um pedacinho de você através desse post. Beijinhos pra ti!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Juliana!
      Foi muito emocionante reencontrar a Lidiane aos 19 anos e sentir que me tornei uma pessoa um pouquinho melhor do que eu era, sem perder a essência, sabe? Muito na minha vida foi presente de amigos, por isso sou grata a todos que dividiram um pouco de si mesmos comigo *-*
      Que bom que consegui passar uma boa sensação para quem leu a carta. Também estou achando muito legal conhecer mais das pessoas e ver o tanto de carinho que os "eus" do presente estão falando dos "eus" do passado. Sentir amor pela própria história é essencial na vida de qualquer um. :)

      Um grande beijo pra ti! :*

      Excluir
  2. Esqueci de acrescentar: essa primeira foto da montagem (onde aparece escrito: uma carta para a Lidiane) tá MUITO PARECIDA com alguns rostos que tenho desenhado nos últimos dias! :O Ainda não divulguei nada, mas vou lembrar de te mostrar, pra você ver como tem um monte de semelhança! ehiehuiauae! :***

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, nessa foto eu tinha 17 aninhos kkkk =D
      Pode ter certeza de que vou querer ver sim o que estás produzindo, ainda mais se está tão parecida assim, que honra!!! ♥♥♥♥♥ Ficarei de olho!

      Beijokas! :**

      Excluir
  3. To aqui na Sala 6 chorando com a carta. Vou embora antes que alguém veja...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. *--* Oumm, dão chore, dão chore :)
      Bjks

      Excluir
  4. Vou escrever uma pra Thaís do futuro. "Querida Thaís Von D... És sucesso nas tattoos!" rsrsr...
    Lidy! Amei a cartinha! Emocionante. Parabéns por todos os teus processos. É lindo te ver crescendo como artista. E maravilhoso saber o quanto tu persististe em ti mesma. :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Podes escrever uma carta agora e deixar guardada para ler daqui há 10 anos! Assim, a Thais Von D vai recordar como foi o começo de sua trilha para o sucesso :) É muito legal olhar para o passado e se aconselhar, se ver com outros olhos. Me emocionei *-*

      Bjks

      Excluir
  5. Olá!
    Estou lendo várias cartas e a cada uma delas me emociono como se fosse minha. Adorei escrever a minha.
    Bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Neli,
      Também tenho me emocionado muito com as cartas, até agora foi o tema de blogagem que mais curti fazer :)

      Bjks

      Excluir

Muito obrigada pela visita e pelo comentário.
Saiba mais sobre os termos de uso do blog clicando aqui.

Subscribe