Decoração com pranchetas

12.4.14


Ninguém - absolutamente ninguém - levou fé quando cheguei em casa carregando várias pranchetas embaixo do braço. A ideia surgiu a partir desse post aqui, num dos blogs de decoração que acompanho pelo Bloglovin'.

-- Pausa --
Bloglovin' e Pinterest são as duas coisas mais viciantes para mim, nos últimos tempos. É como se eu entrasse num buraco negro de coisas lindas/maravilhosas/fantásticas e não conseguisse sair. Chega ser improdutivo em alguns aspectos, pois se eu vejo algo que me interessa, esqueço do resto.
-- Fim --

Então, inspirada pelo post e por mais 4754785485 referências visuais, resolvi aposentar minha placa de metal, que era bem subutilizada, por quatro pranchetas acrílicas, fixadas à parede com fita adesiva dupla-face-cola-tudo transparente.

Vantagens da decoração com prancheta:
- Você calcula quantas colocar, dependendo do tamanho do seu espaço;
- Pode formar várias composições diferentes na parede;
- Existem vários tipos de prancheta: acrílico transparente, colorido e madeira, ou seja, combina com uma variedade grande de móveis;
- Dão um aspecto despojado e ao mesmo tempo facilitam o seu trabalho de organização;
- Você pode criar categorias para suas pranchetas, por exemplo: trabalhos por fazer, contas para pagar, imagens para inspirar, textos, listas, etc.;
- Cansou? Só retirar da parede e ainda reaproveitar para outras coisas.

As minhas são diferentes entre si, sendo que uma é mais ainda pois o prendedor é de acrílico também, mas isso não impediu de deixar um efeito bonito, prático e, ao mesmo tempo, decorativo no meu espaço de trabalho. Recomendo fortemente, principalmente para quem gosta de inovar nas ideias.

Abraços,
Lidiane :-)

Veja também

2 Comentários

  1. É que tu não tinha me dito antes, se não certamente teria levado fé.... excelente ideia, com ótimos custos benefícios. Ficou muito cute!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fiquei com vontade de fazer na nossa sala, parede é o que mais tem pra isso ;) Bj

      Excluir

Muito obrigada pela visita e pelo comentário.
Saiba mais sobre os termos de uso do blog clicando aqui.

Subscribe