Recompensa da Bruna #Padrim

Por - 19.10.15


A partir de hoje, vou mostrar algumas das recompensas que as madrinhas e padrinhos recebem ao apoiar meu projeto no Padrim, como forma de incentivo àqueles que desejam contribuir também. Essa menina galática pertence à Bruna, e foi feita com todo carinho. Detalhes:


Materiais utilizados:
- papel Canson Montval 300g (como não usei essa lindeza antes?);
- aquarelas Talens;
- nanquim Pelikan;
- marcadores Posca e Copic;
- lápis aquarelável Staedlter Karat.


Resolvi fazer um efeito galáxia diferente, com uma faixa de aquarela coberta por nanquim com álcool. O resultado ficou interessante e pretendo aprimorar. Ainda preciso melhorar MUITO na aquarela, sinto que dou uma regredida de vez em sempre, mas já providenciei um sketchbook próprio para treinar. Vou mostrando meus progressos por aqui.

Veja também

10 Comentários

  1. engraçado isso...também sinto que dou uma regressada com aquarela, sempre que eu paro por um tempinho...por que será que isso acontece? a memória cognitiva ligada à pintura, desenho também, parece que não é fixa como aprender a andar de bicicleta...muito engraçado isso. talvez por ela estar sempre em desenvolvimento, diferente de andar de bicicleta que é aquilo de sentar a bunda e pedalar e pronto, não há mais o que primorar nisso. Tu já viu algum estudo com relação a isso?
    Enfim, ela ficou muito linda! *___* esses olhos ficaram muito poderosos também!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bia, que interessante o teu comentário, comecei até uma pesquisa no Scielo pra ver se encontro algum artigo relacionado com o tema, mas o que vem é sobre desenvolvimento gráfico infantil.
      E realmente, quando estudamos o processo cognitivo na criança, existe essa preocupação em não dissociar desenho e escrita, por exemplo, para que não se perca as habilidades gráficas já conquistadas. É essa dissociação que faz muitas pessoas estacionarem na idade do realismo gráfico, por exemplo.
      Acredito que por ser algo que requer treino constante, assim como uma atividade esportiva, o cérebro precisa ser sempre estimulado a produzir, senão esquecemos. Ainda vou dar uma estudada a fundo no tema, talvez em algum livro da Fayga Ostrower eu encontre uma luz, daí farei um post especial. :)
      Beijão e obrigada!

      Excluir
    2. Legal, Lidy! Escreve, sim! ;) espero que encontre algo, porque assuntos relacionados a psicologia e memória são sempre interessantes, ainda mais quando relacionados ao que gostamos de fazer! hehe bjs :***********

      Excluir
  2. Oi, Lidy! Gostei do novo layout mais clean e das luas!

    Que interessante esse teu processo da sombra usando o roxo. Como foram as camadas que vc fez entre a 3ª e a última foto?

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lili! Faz tempo que quero deixar o layout mais clean, com menos informação no cabeçalho, e me peguei pensando sobre a importância que dou para a lua - tanto cheia quanto os crescentes, nas minhas figuras, geralmente usadas como terceiro olho, por isso a escolha. Ainda preciso falar dessa mudança por aqui.

      Eu comecei a usar roxo depois de ver a Ju Rabelo, Sabrina Eras e outras ilustradoras fazendo isso nos seus trabalhos, e o contraste é bem mais interessante do que preto ou marrom. Entre a terceira e a última foto, por cima do roxo usei uma aquarela marrom clara e, depois de seca, finalizei com lápis aquarelável laranja e vermelho porque ficaram algumas manchas. É nisso que preciso melhorar: minhas manchas são muito irregulares.
      Geralmente finalizo minhas aquarelas com o lápis de cor para dar um polimento bonito.

      beijos!

      Excluir
  3. Nossa! Isso porque regrediu?! o.O Muito linda essa ilustração! Nunca comentei por aqui, mas já acompanho seu blog há um tempinho e achei que essa faixa de galáxia ficou na medida, porque se fundiu com o preto deu uma profundidade...sei lá... ficou muito bonito :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nani, muito obrigada pelo carinho e por comentar! :}
      Acho que essa é uma das melhores galáxias que fiz, porque não é uma explosão de cores, ficou mais concentrada naquela faixa. Acho que acabei criando uma expectativa muito grande depois desse trabalho, pois não consegui reproduzir esse efeito do mesmo jeito em outra ilustra. Mas sigo tentando!

      beijão!

      Excluir
  4. uma dica pra a galáxia ficar com efeito bacana: respingar nanquim branca ainda na tinta molhada,principalmente nas cores rosas,roxas e azuis.usa aquarela liquida,de preferencia,tipo ecoline-aqualine

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela dica, Gabi! ou tentar fazer com nanquim branco. Geralmente eu uso guache para fazer o salpicado, mas não acho que ele deixe uma consistência legal. Também quero investir mais em aquarelas líquidas.

      Excluir

Muito obrigada pela visita e pelo comentário. Saiba mais sobre os termos de uso deste espaço clicando aqui.