Freckles

05/04/13


Olá pessoal!

Estou muito feliz em poder postar uma ilustra inédita essa semana. Quando fiz Retórica, estava numa maré baixa de produção, que é normal acontecer, mas eu nunca gosto de passar por isso. Demorei para finalizar, depois procurei ler, escrever, ver coisas pela internet, mas nada adiantava. Parecia que a crise criativa já havia se instalado e, nesse meio tempo, comprei uns lápis novos para ver se me animava. E não é que esse incentivo funcionou? Desencantei o Paperblanks e pus a mão na massa nessa simpática menina com o cabelo trançado e sardas no rosto.


A arte fluiu como há muito tempo não acontecia. Me senti viva trabalhando nos detalhes que mais gosto: cabelos e olhos. Tentei não me afobar, fiz tudo com calma, no tempo certo, ponderando, tomando decisões e estudando o espaço do papel, a interação entre o lápis e a textura da folha, perdida nos meus devaneios. Curti muito!!!

Junto com o retorno da criatividade, veio a vontade de voltar a dar aulas de desenho, principalmente para quem não tem contato com a linguagem, pois é uma surpresa atrás da outra. Já montei um "plano de aula mental" e estou estudando lugares, datas, quem sabe vem um curso de desenho por aí?


Semana que vem, vou falar um pouquinho mais sobre os lápis que utilizei e mostrar alguns detalhes dessa arte. Na primeira imagem do post e nas prints, tratei no Photoshop e deixei tudo num tom vermelho, pois acredito que sardas combinam com uma garota ruiva. Já a imagem acima é a que mais gosto, dentre todas que fiz durante o processo.

Abraços,
Lidiane :-)