5 anos de blog

30/03/15


Ontem o bloguinho completou cinco anos de existência virtual. Sem este espaço, creio que hoje não me veria como ilustradora, nem faria metade das coisas que faço. Talvez não teria coragem suficiente para me mostrar ao mundo, nem para continuar estudando sobre meus próprios processos criativos. Além, é claro, de não ter conhecido metade das pessoas fodas que passam por aqui, para dar aquela injeção de ânimo que me move.


Eu poderia fazer uma lista de coisas maravilhosas que aconteceram e acontecem todos os dias na minha vida, por causa da existência deste espaço, mas gostaria de falar sobre a importância das artistas mulheres conseguirem visibilidade, através da web, para os seus trabalhos.

Que é difícil para uma mina se inserir no ambiente artístico/cultural da sua cidade/estado/país, todas nós já sabemos, porém, essa janela para o mundo proporcionada pela criação de um blog, portfólio, página, etc., está transformando a vida das mulheres, sim. Não dependemos mais da aprovação de um setor específico para validar nosso trabalho e conseguir nossos trampos, feitos muitas vezes para outras mulheres produtoras de conteúdo, que desejam se mostrar também.

Não precisamos sair com pasta catálogo embaixo do braço, atrás de um lugar que queira expor nossas artes, porque os compartilhamentos nos fazem chegar até lá. Claro que isso não é unanimidade, e claro que ainda não nos dá uma quantidade maior de clientes, de aceitação ou de reconhecimento, mas é um campo que está se consolidando e trazendo uma ótima resposta às mulheres artistas.

Tem muito caminho pela frente? Claro que tem! Mas quero que a minha experiência sirva de exemplo para outras meninas que se sentem receosas em mostrar seus trabalhos, em se assumir como ilustradoras, em seguir em frente. Insistam! Sejam donas das suas carreiras, desde o momento da concepção até o gerenciamento desse material que chegará ao público.

E principalmente: sejam unidas! Criem laços, redes, trabalhos colaborativos. Somos muitas produzindo, então porque estamos tão caladas? Vamos gritar, em uníssono, que estamos aqui, e viemos para ficar! Pelos próximos 5, 10, 15 anos...

Abraços,
Lidiane :-)