Sketchbook Kraft Papel Pitanga

25/09/15


Oi gente! Hoje vou mostrar essa coisa marlinda da vida, que é o sketchbook kraft da Papel Pitanga, marca de cadernos artesanais da Isabella Pessoa. Antes de falar do caderno em si, quero registrar o carinho e a preocupação da Isabella, desde o momento da encomenda até a entrega (e nosso desapontamento mútuo com a falta de cuidado dos Correios com materiais frágeis).


Escolhi o sketchbook tamanho A5, pois considero que este é o ideal para as minhas necessidades, com detalhes em vermelho, que dá um contraste lindo com o kraft. Logo que vi, já customizei a capa com um postal, e essas fitas fofas que vieram junto. #mandatapes


O caderno tem abertura em 180º, o que permite trabalhar tranquilamente sem se preocupar com dobras e folhas que não ficam no lugar. O papel kraft em si tem uma gramatura e cor muito boas. Estou acostumada a usar o da Canson, que é bem mais fino e claro, e enruga facilmente. Porém, este se mostrou bastante resistente e oferece um meio-tom excelente para coloração de pele.


Detalhes do papel e das costuras. Fiquei muito impressionada com os acabamentos, pois é natural que um caderno artesanal apresente pequenas imperfeições, faz parte do processo. Mas o Papel Pitanga é impecável, as páginas são milimetricamente cortadas, as costuras não têm fios soltos, tudo fica no lugar. Gente, que gosto ter um material assim, sério. É só amor! ♥


Alguns dos desenhos que fiz até o momento. Esse papel se comportou muito bem com grafite, marcadores e tinta, quase não transferiu para o verso da folha. Como já disse em outras ocasiões, eu não costumo usar o avesso da página, logo, se vazar tinta, tudo bem. Mas para quem usa e se importa com esse detalhe, procure ficar nos materiais mais secos, e se quiser se arriscar em técnicas que exigem água ou pigmentos fortes, use um papel adequado, com gramatura superior a 300g.


Além do caderno que encomendei, a Isabella mandou, juntamente com as fitas, esse lindo journal com costura verde, folhas em papel reciclado e bordas arredondadas. Pretendo usá-lo para projetos e desafios de desenho.

Quem quiser encomendar o seu Papel Pitanga, visite o blog da Isabella, que também faz ilustrações lindas, e o Instagram da marca.