abrir menu
22/06/2019

#2 Red


Continuando a pequena série de (a princípio) três trabalhos utilizando lápis de cor, que me propus a fazer como forma de manter uma produção mínima. Na primeira ilustração, dei ênfase para a cor azul e, agora, é o vermelho que toma conta.

Sigo trabalhando com os lápis de cor Rijksmuseum da Bruynzeel, e também com o SuperSoft da Faber-Castell. Dessa vez, fiz a pele com o Polycolor da Koh-I-Noor, e optei por substituir o papel pelo Bristol, que faz o lápis deslizar com perfeição. Dá pra ver uma prévia aqui e outra aqui.

Tenho curtido muito o processo de pintura e o "deixar de lado". Levo dias para fazer algo que eu sei que faria "numa sentada só". Isso tem sido importante para mim, pois consigo me manter ocupada, e aquela sensação de não estar sendo produtiva desaparece. Não fica o vazio, nem a culpa. Aliás, o que menos tenho sentido, desde que entendi que o desenho e a ilustração ocupam um momento muito restrito ao pessoal na minha vida, é culpa.


Comecei o processo de pintura pelo cabelo, e utilizei preto e dois tons de marrom, vermelho e laranja para conseguir esse resultado. A princípio eu não colocaria o laranja, mas vi que ele deixou a cor mais vibrante. As áreas brancas são pontos de luz que deixei sem pintar, a técnica que utilizo para fazer esse tipo de cabelo é ir fazendo fio por fio, pacientemente, até conseguir uma massa de cor e forma. O restante da ilustração segue o mesmo ritual de sempre. O resultado:


Materiais utilizados

  • Lápis de cor Rijksmuseum, SoftColor e Polycolor;
  • Papel Bristol;
  • Multiliner Copic;
  • Caneta metálica Uni Paint.


Ainda estou na dúvida sobre as cores da última ilustração, pois quero muito utilizar verde e roxo. Talvez eu faça uma quarta ilustração, só para não descartar nenhuma possibilidade. 

Conheça meu portfólio profissional
Loja virtual | Contato: lidiane@lidydutra.com

2 comentários:

  1. Lindíssima, Lidy!!! Saindo das opções propostas, sugiro uma ilustra amarela pra ficarem as cores primárias. 😊💛

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e por deixar o seu recado!
Caso você esteja comentando numa postagem antiga, favor levar em consideração a data de publicação, pois minha opinião pode ter mudado com o tempo. Peço desculpas desde já por algum link quebrado que você encontrar. Saiba mais sobre os termos de uso e política de privacidade do blog clicando aqui.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial