Seis metas para 2016

27.1.16

Foto by Greg Rakozy, via.
Já estamos no final de janeiro, mas não esqueci das resoluções para 2016. Assim como tenho feito nos últimos anos, preparei uma lista de metas que pretendo cumprir. Na realidade, uma continuação de tudo que comecei em 2015. São somente seis pontos, porém, muito significativos para mim:

1- Desapego: sempre penso na metáfora da gaveta quando começo a me sentir mal. Se as nossas gavetas (e caixas, armários, estantes...) estão bagunçadas e cheias de quinquilharias, isso nada mais é do que um reflexo das nossas vidas. Então, é preciso limpar, selecionar, jogar fora, organizar. Por isso desapegar se tornou tão importante. Doei muitos materiais artísticos não usados, vendi livros e enchi sacolas de roupas e sapatos. Isso me fez ficar bem mais leve, mas ainda tem muita coisa para a qual olho e me incomodo. Por isso, pretendo continuar no desapego em 2016.

2- Estudo: uma das melhores coisas que pude fazer foi voltar a estudar. Comprei livros, me inscrevi em cursos e me debrucei sobre o básico novamente. Vi aonde estavam minhas dificuldades e tentei encará-las como um aprendizado importante. Para 2016, vou estabelecer um cronograma de estudos, assim não me disperso. Também sinto que é o momento de falar sobre a minha dissertação. Depois de cinco anos, finalmente me sinto confortável para mostrar o que estudei e porque considero esse projeto importante.

3- Profissionalização: já preparei meu novo orçamento, contrato, modelo de briefing, dentre outros documentos, tudo com base no Curso Carreira de Ilustrador, que faço com a Clau Souza. Ainda não posso abrir um MEI, mas tenho procurado métodos para oferecer um serviço cada vez mais profissional. Também quero abrir uma caixa postal, para facilitar o envio e recebimento de cartinhas e, quem sabe, comprar equipamento para impressão dos meus próprios prints

4- Compartilhamento: voltei com meu canal no YouTube, que já tem um bom número de visualizações, e pretendo continuar fazendo resenhas, tutoriais e dando dicas, pois não concordo com conhecimento encarcerado, precisamos compartilhar coisas boas, para que elas retornem para nós. Também estou num grupo maravilhoso de ilustradoras, e isso me dá uma energia muito grande para continuar as pesquisas para fazer conteúdos cada vez mais legais.

5- Recusa: quero aprender a dizer cada vez mais nãos para o que me incomoda e, principalmente, para pessoas tóxicas, que só querem sugar minha energia e tirar vantagem. Já passei por situações que pareciam uma ótima oportunidade de contatos e de dinheiro, e só me decepcionei. Então, quero riscar isso da minha vida esse ano. 

6- Aceitação: isso tem a ver com autossabotagem. Eu custo a reconhecer meus acertos e tenho um pensamento negativo para as coisas que faço. Já penso em todas as possibilidades de um projeto dar errado, antes mesmo de começá-lo. Preciso acreditar que sou capaz e aceitar mais o fato de que minhas limitações não são uma pedra, mas um impulso para que eu melhore. Aceitar que erro, sim, mas também acerto, e não que vá jogar confete toda hora, mas comemorar as pequenas vitórias dá um gás e tanto para novas conquistas.

Essas são as minhas metas para 2016, me conta nos comentários quais são as suas! Aproveita para dizer o que achou do template novo do blog, que agora está responsivo. Ainda preciso fazer alguns ajustes, mas em breve estará tudo padronizado.

Veja também

16 Comentários

  1. Lidi, ficou muuuuito bonito. Sorte e persistência com as metas. Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai dar tudo certo, o ano será lindo! <3
      Beijos :*

      Excluir
  2. Ótimas metas, Lidy! Eu já te perguntar se tu tinha feito algum post sobre a tua dissertação, pois lembro de ter lido em algum lugar que era algo sobre educação ambiental, mas resolvi conferir ali no teu "sobre", e vi que deixastes o link pro arquivo pdf..vou dar uma lida pra ver se aprendo T___T Tu já publicastes algum artigo?
    Ah, to louca pra fazer esse curso da Clau também. Quem sabe esse ano ainda faço. T_T enfim, acho que o teu item seis é o mais importante de todos! nós temos isso em comum T__T essa questão da aceitação é muito sério. Minha mãe e minha irmã é quem vivem pegando no meu pé por isso, mas não costumo levar muito em conta a opinião delas por serem da família. e aí elas me xingam mais ainda! aoiehauie Mas é bem aquela coisa mesmo, "se você não acredita no que faz, porque os outros haveriam de acreditar", né?! T__T
    Ah, e o blog ficou lindão com esse layout novo! *___*
    bjss :**********

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bia! Falar da dissertação sempre foi difícil pra mim, porque foi um período tão conturbado que quando acabou, acabou. Mas esse ano vou me voltar para ela e fazer uma série de posts contando um pouco da minha pesquisa e dando dicas para quem quer ingressar no mestrado.
      Tenho alguns artigos publicados na fase inicial da pesquisa, mas depois que concluí o estudo nunca me senti confortável o suficiente para escrever, estava tão cansada e desanimada. :/
      Eu recomendo fortemente esse curso da Clau e já estou em cólicas pelo da Sabrina Eras *---* nem que eu tenha que vender meu rim. E estou tentando ter um pensamento mais otimista e positivo em relação ao meu trabalho. Ter feito esses cursos me ajudou a ser mais crítica com o que realmente precisa e relaxar das cobranças internas.
      beijokas :*

      Excluir
  3. Oi, Lidy! Boas as suas metas! Me identifico muito com elas! Concordo de a última é importante é acho q é um desafio importante pra tdos nós superarmos! Curti o layout! Inclusive tou escrevendo do meu celular! Gostei muito dessés botões para compartilhar nas redes sociais é algum widget?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lili, obrigada! Acho que essa última vai ser a mais difícil mesmo, mas quero que outras pessoas também pensem nisso e procurem melhorar esse aspecto, como a Bia falou: se não acreditarmos no nosso trabalho, quem vai acreditar?
      Esse template baixei no ThemeXpose, é um site com temas maravilhosos e gratuitos. Só customizei o idioma, pq ele vem todo em inglês, precisei da ajuda de um colega programador para resolver uns erros de javascript. E também sofri um pouco para colocar o menu. Mas valeu a pena, pq deu uma cara bem melhor para o blog. :D
      Beijos! :*

      Excluir
    2. Ficou boa mesmo! Depois darei uma olhada nesse site. :) Eu gosto do meu tema, levei bastante tempo pra encontrar um que batesse com a minha ideia mas sempre tem uns detalhezinhos que fazem falta! (e um amigo programador é uma mão na roda, hein?)

      Excluir
    3. Se o teu blog é no wordpress, a gama de temas é maior. Eu não curto pedir para os outros, até mesmo porque sei que é um serviço caro, mas meu amigo foi super de boa e resolveu o problema em menos de meia hora :)

      Excluir
  4. 2016: o que dizer desse ano que já considero pakas?

    Acho que em apenas 34 dias 2016 tem sido tão bom e tão produtivo que teremos bons resultados ao fim dele.
    Vamos viver!

    E o resto, vai acontecendo! :)

    <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem me fale! Acabei de receber uma notícia ótima, 34 dias de 2016 já foram mais produtivos e valiosos que todos os 365 de 2015. Agora, vai! hahahaha
      Beijos :***

      Excluir
  5. Oi Lidiane, adorei este post, tbm tÔ precisando ter mais desapego por coisas inúteis este ano, kkkk.
    Te enviei um e-mail ontem com dúvidas sobre ilustras, vc recebeu? Por favor, qdo puder me responda, ando ansiosa por um ano com uma vida profissional mais ativa e, a ajuda de pessoas mais experientes seria valiosa. Bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acabei de te responder, flor! Espero ter te ajudado. :)
      Beijos :*

      Excluir
    2. Ajudou, mto obrigada, mas te enviei outro e-mail espero não estar te atrapalhando. =)
      Obrigada pelo help e, que 2016 seja um ano mto produtivo, colorido e próspero pra vc e pras outras talentosas ilustras que vc sempre cita por aki. Bj

      Excluir
    3. Que bom que ajudou!
      Um 2016 de sorte, sucesso e arte pra você também. :)
      Beijão :*

      Excluir
  6. Oeee tudo bem Lidiane? Espero q o curso da Clau ajude muito vc nas tuas metas pra esse ano :)
    Bjooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É o Japa? Sério? Que legal!!! o////
      Nossa, esse curso tem sido um divisor de águas pra mim. O tanto que já consegui me profissionalizar e levar meu trabalho a sério... recomendo pra todo mundo, de verdade!
      Beijo pra ti e pra Clau!

      Excluir

Muito obrigada pela visita e pelo comentário.
Saiba mais sobre os termos de uso do blog clicando aqui.

Subscribe