Testando: guache + sketchbook


Estou tentando usar mais o sketchbook, dentro do meu próprio método, e resolvi arriscar com guache e aquarela, mesmo sabendo que a gramatura das folhas poderia não suportar. Peguei um antigo kit de guache da TGA e fiz algo bem sem pretensão, pois realmente nunca estudei a técnica para elaborar algo decente, e provavelmente vou achar esse estudo péssimo no futuro. Mas, por hora, está valendo.

Meu próprio método de usar o sketchbook

Não curto muito usar o sketchbook para fazer rascunhos e estudos de ilustrações. Para isso, gosto de folhas sulfite comum, soltas, que posso manusear sem muito cuidado, sobrepor, recortar, estragar se for o caso.

No sketchbook gosto de fazer desenhos compactos (versões menores de ilustrações que faria usando papel A4), tabelas de cores dos lápis e tintas bem feitas, coisas bonitas mesmo e com unidade, que eu possa folhear depois de algum tempo e sentir que contei histórias ali. Por isso, tenho dificuldade em manter um caderno. Este ano, me propus a ser fiel ao meu método e tentar usar o sketchbook pelo menos uma vez por mês.

Um recado importante é: use o sketchbook da maneira que tiver vontade. Sempre. É o que realmente importa.


Utilizei o guache TGA para fazer as flores e a blusa da figura. Para a pele e o cabelo, aquarela. O fundo foi feito com aquarela perolada Sakura Koi. Eu tenho muito ranço com as aquarelas da Koi por serem extremamente opacas e lembrarem muito... um guache. Porém, é justamente essa qualidade da opacidade que torna as aquarelas shine melhores do que a de outras marcas, na minha opinião: com apenas uma camada elas cobrem razoavelmente uma área, conferindo um brilho perolado muito bonito e entregando bastante cor. As minhas são em pastilha avulsas, comprei na Koralle (link não patrocinado, mas poderia).


No fim das contas, o papel não enrugou muito, tanto que deu até para digitalizar. Os detalhes de corações foram feitos com caneta metalizada e o contorno da figura foi com lápis de cor, ao invés das canetas que costumo usar. Achei que deu mais leveza. Vou adotar.

Em tempo: maio está aí e, com ele, o MerMay? Ainda estou na dúvida se participo, como em todos os desafios, em todos os anos. Se rolar, vocês saberão, aqui tanto a arte como a blogueiragem é sempre no free style. 😊

Comentários

  1. Gostei muito do estudo com guache Lidiane. Eu sempre quis testar TGA, pelo custo, mas como as Talens nunca me deixaram na mão, acabei nunca testando outras marcas. Quanto ao Sketchbook, eu já tentei usar poucos materiais, apenas lápis, apenas guanche, lápis de cor, caneta, mas nunca vai para frente. Uso um tempo e largo de lado. Gosto de pegar um desenho e ir até o fim, ficar rabiscando não me atrai.

    Tem um youtuber que estou assistindo ultimamente que sempre diz que as aquarelas de origem oriental, têm essa especificidade da tinta ser mais opaca mesmo. Ele já testou diversas aquarelas, de diversos países e também não gosta muito das Sakura's por isso. As minhas estão aposentadas há muito tempo, principalmente depois que comecei a usar as Van Gogh.

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mateus!

      Eu gosto muito desse kit da TGA, da Talens tenho só guache dourado e branco, que também adoro, e fico com vontade de investir em outras cores. Mas, ao mesmo tempo, quero esperar esses que tenho acabarem, pra não ficar com muito material sem uso, tenho evitado acumular.

      É muito bom ler a opinião de quem também gosta de pegar uma ilustra e ir até o fim. Às vezes me sinto pressionada a ser produtiva como os outros são, fazer vários concepts, sketches, miniaturas, sendo que na maioria das vezes gosto mesmo é de sentar na cadeira e só levantar quando a ideia está toda no papel.

      Eu dei meu estojo da Sakura também depois que comecei a usar Van Gogh, só curto mesmo as peroladas pois cobrem a área muito bem, como se fosse um guache mesmo, e o brilho fica super intenso. Bom saber essa informação sobre aquarelas orientais. Eu sou louca por esse kit de guache aqui: https://amzn.to/3g0gaFG

      Excluir

Postar um comentário

Muito obrigada pela visita e por deixar o seu recado. Por favor, leve em consideração a data do post, pois minha opinião pode ter mudado com o tempo, e alguns links podem estar quebrados. Conheça os termos de uso e política de privacidade do blog antes de comentar.

Form for Contact Page (Do not remove)