Green Man ūüĆŅ

18/01/22


As primeiras representa√ß√Ķes que vi do Homem Verde foram as ilustra√ß√Ķes maravilhosas do Brian Froud (artista que amo estudar). Sempre que vejo uma folha de pl√°tano, ou uma casca de √°rvore, penso em fazer um homem verde. E ontem, acabou saindo essa vers√£o em aquarela.

O Homem Verde √© a face adulta do deus tr√≠plice e vive nas florestas. Eu n√£o vou me estender falando sobre sua hist√≥ria, pois a Rosea Bellator j√° faz isso brilhantemente nesses dois textos: O Homem Verde - A Face Adulta do Deus Tr√≠plice e O Deus Tr√≠plice - O Corn√≠fero, O Homem Verde e o Anci√£o. Recomendo essas leituras para quem quiser mais informa√ß√Ķes sobre essa figura.


A minha representa√ß√£o do Homem Verde √© a face toda feita de folha. N√£o √© uma folha espec√≠fica de uma planta, mas uma cria√ß√£o livre, com os contornos que se encaixavam melhor nesse rosto que eu desejava construir. √Č um pouco da folha do pl√°tano, mas as bordas s√£o mais "comidinhas", como se uma lagarta tivesse almo√ßado por ali.

Trabalhei o √ļmido sobre √ļmido e fiz muitas camadas de cinza, marrom e verdes, e v√°rios respingos para trazer as manchas. Queria a folha bem manchada, marcada pelo tempo, com o queimado do sol, as √°reas onde pode haver um fungo, por onde uma formiga possa ter passado. Tenho focado bastante na quest√£o das marcas do tempo no meu trabalho (talvez porque eu esteja envelhecendo tamb√©m!). Os detalhes foram feitos com l√°pis de cor comum e os marcadores de sempre. O resultado:


Materiais utilizados:

  • Papel para aquarela Canson XL 300g;
  • Aquarelas Van Gogh;
  • Pinc√©is Keramik;
  • L√°pis de cor Faber-Castell;
  • Marcadores Pentel.

Essa ilustra√ß√£o j√° est√° dispon√≠vel no meu studio na Colab55, em formato de p√īster, cadernos, almofadas, dentre outros produtos.